Estados físicos da matéria

Nas últimas aulas dos “Pequenos Cientistas Sanjoanenses”estivemos a falar sobre o estado físico da matéria. A professora levou um frasco de mel e perguntou: “Em que estado se encontra o mel?”  Ficámos um bocadinho confusos, havia quem pensasse que se encontrava no estado sólido, outros no estado líquido e quem achasse que não era sólido nem líquido.

A primeira aula teve como objetivo responder à questão:

 

Como se distinguem sólidos de líquidos?

O que nós pensávamos:

“Os líquidos escorrem e alguns são pegajosos.”

“Os líquidos molham.”

“Os líquidos tomam a forma do recipiente onde estão.”

Para podermos responder à questão fizemos a seguinte experiência: a professora  deu-nos uns saquinhos (amostras) com materiais lá dentro – azeite, leite, manteiga, sal, álcool etílico, sal e mel. Primeiro apalpámos e depois, utilizando um conta-gotas, vimos que alguns  materiais formavam gotas e outros não. Também utilizámos um termómetro para sabermos a temperatura ambiente da sala.


Concluímos que a distinção entre líquidos e sólidos faz-se pela formação ou não de gotas. À temperatura ambiente de 19,5ºC, os líquidos formam gotas (azeite, leite, álcool etílico, mel) e os sólidos não (manteiga, sal).

Na segunda aula surgiu a questão: “E se as amostras fossem colocadas a temperaturas altas ou a temperaturas muito baixas sofreriam alterações?”

As opiniões foram muitas. Então, tinha sido dado o mote para a questão problema da aula:

 

Qual o efeito da temperatura no estado físico?

Para conseguirmos responder à pergunta, tivemos que pensar como o poderíamos fazer (procedimento) e qual o material que seria necessário. Após essa discussão, demos início à experiência.

Colocámos as 6 amostras numa caixa com água quente, registámos a temperatura da água e aguardámos algum tempo. Depois, retirámos as amostras, observámos e utilizámos um conta-gotas. Verificámos que a manteiga ficou no estado líquido, ou seja sofreu fusão, o sal e os restantes materiais não sofreram alteração.

 

Entretanto, também colocámos 6 amostras no congelador, para que ficassem a temperaturas negativas. Neste caso, tivemos que esperar mais tempo.  Verificámos que o leite, o azeite e o mel ficaram sólidos, ou seja, solidificaram. Quando retirámos as amostras ficámos admirados pois o álcool continuava líquido. E isso acontece porque o álcool etílico só congela a a partir de – 139,6º C.

 

Concluímos que quando se varia a temperatura, alguns materiais mudam de estado físico, enquanto outros não (por exemplo a temperaturas negativas, o sal continua sólido e o álcool etílico continua líquido)

Registo fotográfico da atividade:


Assim, dando continuidade a este trabalho e para verificarmos a transformação dos estados físicos das matérias decidimos fazer gelatina. Foi uma atividade participativa e divertida, já que quando a sobremesa ficou pronta pudemos depois saboreá-la. Com a realização desta atividade, foi possível mostrar várias mudanças de estado físico, pudemos ver o vapor (da água quente), o sólido (do pó da gelatina) e o líquido (a água fria).

Os materiais que utilizámos foram: quatro caixas de gelatina; copos descartáveis em tamanho pequeno; colheres descartáveis; tigela, colher de pau e, é claro, frigorífico.

Antes de partir para a experiência, conversámos sobre os estados físicos das coisas, o que é líquido, o que é pastoso e o que é sólido.

Depois, foi a hora de colocar a mão na massa, preparando as receitas de gelatina, conforme as instruções das embalagens.

Durante o preparo, surgiram algumas questões sobre o estado da gelatina antes do preparo, o estado da água, se este muda quando a água é aquecida, se muda quando a água é congelada, as transformações que o pó da gelatina sofre ao adicionarmos a água, qual a necessidade de mexer bem até que o pó esteja totalmente dissolvido, etc.

Para trabalhar o estado gasoso foi preciso muito cuidado. Vimos que o vapor sobe da panela quando a água ferve e também que o vapor acumulado se transforma em água novamente, como na tampa da panela.

Após o preparo das gelatinas, falámos do processo de arrefecimento para que as mesmas mudem do estado líquido para o sólido.

No final, foi só saborear a deliciosa receita preparada pela turma.

 

Registo fotográfico

4º A e 4º B – EB1 /JI das Fontainhas

Professoras Anabela Resende e Manuela Conde

About these ads

5 Respostas

  1. QUE FOTOS GIRAS …..
    ADOREI AS MATERIAS QUE DESTE.
    . BEIJINHOS PROFESSORA GUIDA .

  2. ACHO QUE ESTOU A FICAR UMA PEQUENA CIENTISTA!!!!!!!!!!!!!

  3. a sala 3 adorou esta experiência
    bjs

  4. ESSA FOI BOA …. VOU AMANHA MESMO FAZER COM MINHA TURMA

  5. mais afinal!!! a gelatina!!! qual é seu estado físico!!!???????????

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 73 outros seguidores

%d bloggers like this: